RESUMO ESTENDIDO

 

AS LEIS DA NATUREZA HUMANA

 

(THE LAWS OF HUMAN NATURE)

 

BASEADO NO LIVRO DE

ROBERT GREENE

 

-

 

RESUMO ESCRITO POR

MENTORS LIBRARY

 

CONTEUDO

 

INTRODUÇÃO

 

-

 

CAPÍTULO 01: Como Refletir Sobre Uma Decisão Para Não Agir De Forma Irracional?

 

CAPÍTULO 02: Quais Vieses Podem Colocar Nossa Racionalidade Em Risco?

 

CAPÍTULO 03: O Que É Narcisismo Profundo?

 

CAPÍTULO 04: Como Resolver O Narcisismo Profundo?

 

CAPÍTULO 05: O Que Fazer Com Nossas Fraquezas?

 

CAPÍTULO 06: A Inveja É Uma Característica Natural?

CAPÍTULO 07: Como Mudar Nossa Visão De Curto Prazo?

 

CAPÍTULO 08: Como Interpretar Os Outros?

 

CAPÍTULO 09: O Que Fazer Com Nosso "Eu Sombrio"?

CAPÍTULO 10: Qual É A Lei Da Grandiosidade?

 

CAPÍTULO 11: Por Que Não Se Deve Permitir Que Os Papéis De Gênero Nos Destruiam?

 

CAPÍTULO 12: Por Que É Importante Encontrar Um Significado Pessoal Para A Vida?

 

CAPÍTULO 13: Como Nos Protegemos Para Não Cair Numa Mentalidade De Grupo Prejudicial?

 

CAPÍTULO 14: Como Controlar Nossa Agressividade Para Torná-La Positiva?

 

CAPÍTULO 15: Por Que É Útil Entender As Gerações Que Nos Precederam?

 

CAPÍTULO 16: A Morte É Uma Motivação?

 

-

 

SOBRE ROBERT GREENE: O AUTOR DO LIVRO ORIGINAL

 

SOBRE MENTORS LIBRARY

 

-

 

NOTA SOBRE O LIVRO

REVISOES / AVALIAÇOES

NOTA LEGAL

DIREITOS AUTORAIS

 

INTRODUÇÃO

Existem vários aspectos da natureza humana que muitas vezes ignoramos, mas se os conhecessem um pouco melhor, entenderíamos mais adequadamente nosso comportamento e o dos outros. A inveja, o egocentrismo e a influência que os outros têm sobre nós são questões que não gostamos de admitir, mas e se pudéssemos usá-las em nosso proveito?

É exatamente isso que esta leitura propõe; nos ajuda a usar aquela complexidade humana que muitas vezes parece negativa, mas que na verdade molda experiências comuns que podemos compreender em profundidade para controlar melhor nossos impulsos.

É hora de deixar para trás aquelas mentiras que dizemos a nós mesmos em um esforço desesperado para desvendar como o mundo funciona, escondendo nossas falhas e reprimindo alguns de nossos desejos mais obscuros, mas fundamentais. Vamos aceitar nossa irracionalidade e navegar neste mundo que, na maioria das vezes, carece de lógica.

 

CAPÍTULO 01: COMO REFLETIR SOBRE UMA DECISÃO PARA NÃO AGIR DE FORMA IRRACIONAL?

Os humanos têm a reputação de serem os seres mais racionais da face do planeta. No entanto, a maior parte do nosso comportamento vem de impulsos emocionais e não da lógica.

Os sábios da antiguidade, como Péricles, moldaram essa dicotomia por vários séculos e tentaram defender nossa racionalidade acima de tudo. Por exemplo, uma vez que Atenas foi ameaçada pelos espartanos, Péricles conseguiu evitar que a cidade estourasse em uma guerra que custaria muitas vidas, pois transmitiu sua paciência e racionalidade.